17novembro, 2009

Enquanto Lula estava em Paris e Roma fazendo os mesmos discursos e enaltecendo a próxima quinta potência mundial graças ao seu modelo econômico e político, Obama fechava acordos com Japão, China e Coréia do Sul.

Em mais uma reunião da FAO constatou-se que a fome continua aumentando no mundo, mas de concreto nada foi feito a não ser mais um documento e liberação de dinheiros que sabe-se lá onde vai parar! Novidade mesmo foi a aparição pela primeira vez da first lady iraniana que fez um longo discurso sobre os feitos em seu país contra a fome, mas nada falou das atrocidades cometidas pelo seu marido.

Zelaya continua no HOBR em Honduras. Perguntinha: quem está financiando a estadia da comitiva?

Interessante para não dizer preocupante :- …A saída de Barbosa poderá levar José Antonio Toffoli, novo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), ao TSE –onde já atuou como advogado de campanhas do presidente Lula. Por exclusão, ele seria o provável eleito pelos colegas do Supremo, que indicam ministros para o TSE, para ocupar a vaga de substituto que hoje é de Cármen Lúcia, que assumirá a vaga titular do ministro que agora sai. … (UOL)

Incompetência:- apagão e quase todo território nacional, e em SP 3 vigas de viaduto caíram e por pouco não ocasiona mortes. Algum dia saberemos a verdade dos fatos?

LulaLol

Entre governo e oposição ( se é que existe ) está tudo emparelhado.

Além da bolsa celular ( imagina o que vai girar de sms eleitoral ) quem sabe teremos o bolsa cinema com a estréia “Lula, o Filho do Brasil” o DVD poderá se transformar em um grande mimo eleitoral.

Censura correndo solta pelo país, dois blogueiros proibidos de emitirem opiniões pessoais sobre o presidente da Assembleia Legislativa do Mato Grosso, José Riva (PP)

Esta foto me fez vomitar!

Comentários de leitores no Corriere della Sera sobre o distinto:

Un suggerimento… 14.11|17:44  Lettore_725535

perchè Berlusconi non invita al pranzo con Lula (e gli presenta uno ad uno) i familiari delle 4 persone ammazzate da Battisti, compreso il figlio del gioielliere che da 30 se ne sta su di una sedia a rotelle grazie al “rifugiato politico”? Sarebbe un colpo basso, ma penso aiuterebbe Lula a predere la giusta decisione, dando per scontato che la corte si esprima a favore dell’estradizione.

battisti resisti! 14.11|17:44 rampino09

bravo battisti, continua a non mangiare, fai almeno questo favore all’Italia.

ps: amigos desculpem se não estou visitando os blogs, mas por motivo de luto em família estou afastada das minhas atividades.

Anúncios

E a luz se foi ……..

12novembro, 2009

Nota oficial:-

“Tanto o operador, como Furnas, como todos chegaram à conclusão de que o que aconteceu foram descargas atmosféricas, ventos e chuvas muito fortes na região de Itaberá, em São Paulo, o que provocou um curto circuito em três circuitos que levam as linhas de transmissão de Itaipu para Itaberá” ministro Lobão

além do PAC energia (para este governo tudo gira em torno de PACs e Bolsas – a mais recente de todas: BOLSA CELULAR), a solução também é divina –  “Esse foi um episódio que Deus queira que nunca volte a acontecer.”  Lobão

pergunta: que raio de sistema é usado que derruba a energia de praticamente todo país?

pergunta 2: verão chegando… quem garante que não haverá novos apagões?

Pergunta 3: cadê a dona Dilma?

Felizmente não ocorreram casos de violência, parece que a malacada ficou com medo de bala perdida !

ops dona Dilma apareceu! e disse:- “Nós não estamos livres de blecautes. Você está confundindo uma coisa, minha filha [jornalista]: uma coisa é blecaute. Nós trabalhamos num sistema de transmissão de milhares de quilômetros de rede. Interrupções desse sistema ninguém promete que não vai ter.” (G1)

ah tá agora sim está bem explicadinho!

muros ……

9novembro, 2009

Enquanto comemoram 20 anos da queda do muro de Berlin, um ainda persiste: o que separa as duas coréias, e outros estão sendo construídos, por motivos políticos como o da Palestina construído por Israel, segurança como aquele entre USA e México, ou os que cercam favelas (como a da Rocinha) para ocultar a falta de infra estrutura que essas comunidades tanto necessitam.

Sem contar que os muros invisíveis da censura, repressão, omissão e indiferença continuam separando o mundo e subjugando as pessoas.